RN

Ela com 82 anos e ele próximo a um século de vida oficializam a união em cansamento comunitário em Nova Cruz, RN

julho 20, 2017Senador Georgino Avelino Minha Cidade

NAPS contribui para a oficialização de mais 176 casamentos gratuitos em Nova Cruz
Eles são agricultores, comerciantes, estudantes, dentre outras atividades que desenvolvem nos municípios vizinhos de Montanhas, Lagoa Danta, Passa e Fica e Nova Cruz, todos na Região Agreste do Rio Grande do Norte. No entanto, parecem ter um outro ponto em comum, além da proximidade das cidades e da semelhança das profissões: a maioria já possui muitos anos de vida conjugal e decidiram, na noite da última segunda-feira, 17, realizar um sonho: oficializar, perante a lei, o que já consideravam, há décadas, um casamento. 

A oportunidade veio em mais uma edição do Casamento Comunitário e gratuito, coordenado pelo Núcleo de Ações e Projetos socioambientais do TJRN (NAPS), em parceria com os Ofícios de Notas, que reuniu 176 casais, que assinaram, coletivamente, suas certidões perante os cartórios representados. É esta a situação do casal mais “experiente” da solenidade comunitária, os agricultores Pedro Alves Pessoa e Josefa Maria da Conceição. Ela com 82 anos de idade e ele a apenas um mês de completar um século de vida. Deste total, 65 anos foram de vida em comum.

“Eles disseram que estavam realizando, hoje (17), um sonho. Que não foi feito até agora por questões financeiras mesmo”, disse a filha do casal, já que os pais dela estavam emocionados com a espera da assinatura dos papeis de casamento. Mas, com simplicidade, seu Pedro acenou que estava feliz. “Nós também não sabíamos que eles não eram casados no civil e foi uma coincidência feliz ter essa nossa noite junto com eles”, disse o neto do casal, o estoquista Ivan Carlos, de 22 anos, que estava aproveitando a noite do casamento comunitário para se casar com a esteticista Eliane Cosmo. 

A irmã dele, a estudante Gisele Rodrigues, 23, também ampliou a representatividade da família no “sim” coletivo organizado pelo TJRN. “Temos eles (nossos avós) como exemplo”, disse a noiva, ao destacar também o favorecimento da gratuidade. 

Eles participaram da solenidade coletiva, que ocorreu no ginásio de esportes do município de Nova Cruz e foi presidida pelo juiz titular da Vara Cível da comarca, o magistrado Ricardo Henrique de Farias e coordenada pelo coordenador de casamentos do NAPS, Rossini Pimentel. “É a terceira vez que a cidade recebe as ações sociais do Judiciário potiguar”, ressaltou, pouco antes da abertura oficial, que contou com a presença de autoridades políticas da Região e do prefeito da cidade Targino Pereira. “Estamos felizes com essa parceria. 

Hoje, é uma noite de festa”, pontuou o chefe do Executivo municipal. Além do casal de idosos e dos netos, a cerimônia também reuniu aqueles que, por questões religiosas, buscaram participar do evento, como os noivos Valdemir Fernandes e Francisca Fernandes, primos e que estão juntos há 28 anos e com um filho de 24 anos. “Acho que, com a assinatura do papel estamos mais amparados por Deus”, disse a dona de casa. Com esta edição de Nova Cruz, já são mais de mil casamentos realizados pelo NAPS em 2017.

As informações são do TJRN

Image and video hosting by TinyPic

You Might Also Like

0 comentários

NOSSA PÁGINA

Contatos:
(084) 99212 - 7306
marconeptgeorgino@hotmail.com
Senador Georgino Avelino Minha Cidade
Informações 24/7