EM JUÍZO, DELATORES NEGAM VAZAMENTOS CONTRA LULA

abril 20, 2017Senador Georgino Avelino Minha Cidade

Ex-presidente Lula aponta casos em que delatores da Lava Jato, quando prestaram depoimento em juízo, contestaram versões que foram vazadas à mídia com teses contra o petista; foi o que aconteceu com a delação do ex-deputado Pedro Corrêa (PP-PE), que disse que Lula tinha intimidade com Paulo Roberto Costa, a quem tratava como "Paulinho"; já este afirmou que jamais viu Lula pessoalmente; o ex-senador Delcídio Amaral, que envolveu Lula numa suposta compra de delação de Nestor Cerveró, "foi desmentido por Bumlai, por Cerveró e até por ele mesmo", destaca texto publicado no site de Lula; "Por isso, em uma delação premiada, segundo a lei, não basta afirmar, é preciso afirmar e provar. Apesar disso, por mais difícil que seja acreditar, o Ministério Público Federal sustentou, em sua acusação aceita pelo juiz Moro, a tese de que Lula era chefe de um esquema criminoso unicamente em vagas delações de pessoas que efetivamente lesaram os cofres da Petrobras"

do 247

Image and video hosting by TinyPic

You Might Also Like

0 comentários

NOSSA PÁGINA

Formulário de contato